quinta-feira, janeiro 10, 2008

Decidi...


Que sou uma pessoa de ideias fixas já todos sabemos.

Teimosa ou persistente; cada um chama-lhe o que quizer.

Posso não saber o que quero mas sei exactamente o que não quero, como aliás já expressei anterormente neste meu cantinho.


Então, e assim sendo, dou por mim no meio desta chuva a tentar perceber porque razão não consigo realizar os meus projectos.

Sei que tenho tido muitos fracassos; e que ultimamente nem tenho grandes planos... mas então e as coisas que apenas dependem de mim???

Se eu tenho conseguido sempre (ou quase sempre) fazer aquilo a que me proponho desde que dependa de mim... porque razão ultimamente isso não acontece???


Não me tenho esforçado o suficiente; não tenho acreditado na minha capacidade... que outros querem fazer passar por mediocre, mas que no fundo eu e a chuva até sabemos que é bastante forte!

Não me tenho obrigado a tomar decisões.


É preciso voltarem a perguntar-me pela data prevista do parto para dar um impulso a minha vida... para dar um impulso a mim???

Pois bem, a partir de hoje... cansei-me... mas a partir de hoje as coisas vão acontecer como EU quero e porque EU quero!!!

quinta-feira, janeiro 03, 2008

TEMPO DE ESPERA

Há um tempo de espera para tudo:
para nascer, para morrer
para que o sinal fique verde...
para receber o ordenado ao fim do mês...
para levantar voo e para aterrar...
tempos de espera que incluem filas...
2 horas para comprar um bilhete??? e mais meia hora para entrar no Museu do Prado... pareceu-me demais... mas lá aguentei a espera debaixo de guarda-chuva com 5 ºC em fila indiana...
tantas culturas, tanta gente... tantas obras que não pude ver.... tanto tempo de espera que os seus autores tiveram para as acabar...

O tempo é pouco, mas ainda assim nos obriga a esperar
A verdade é que sem esse tempo de espera... não podia ter visto nada... não podia ter apreciado a magnitude das obras.

tempo á espera do autocarro
tempo á espera do metro
tempo á espera do avião
tempo p fazer o check in
tempo para entrar
tempo para levantar as bagagens
tempo interminável para arranjar um taxi...
tempo p chegar a casa
tempo p dormir e descansar de um começo de ano riquissimo e fantastico.

Agora vou ficar novamente á espera...
Vou andado passo a passo lentamente
À espera que chegue a minha vez na fila de comprar o bilhete para entrar
À espera de entrar no Museu da Vida
À espera de um cheirinho de vida.