quinta-feira, março 14, 2013

quarta-feira, dezembro 07, 2011





Bate um coração dentro de mim
Que não sabia que existia...




domingo, novembro 06, 2011

Felicidade

Durante algum tempo da minha vida, convenci-me que a FELICIDADE não existia!
Neste mesmo local (que cada vez frequento mais irregularmente) dissertei várias vezes acerca disso.
De todas as minhas passagens por este recanto.. poucas foram as vezes em que mostrei alegria.
Ainda que  a FELICIDADE não constasse do meu dicionário de coisas reais, certamente que existiram momentos de (quase) FELICIDADE, e que também mereceriam o seu espaço aqui.


Mas, na verdade, sempre me foi mais fácil escrever sobre experiências menos boas...
Sempre me foi mais facilitador rabiscar sobre as coisas tristes da vida...
Sempre me foi mais terapêutico colocar no papel (ou em página virtual) as situações que me fizeram sofrer...

Não sei se por receio de ver gravada essa alegria...
Não sei se por medo de que essa alegria mudasse por estar a vê-la espelhada...
Não sei!

Continuo sem saber.
Sei apenas que...
Quero mudar esse facto...
Quero escrever nais alegrias do que tristezas...
Quero escrever mais coisas boas do que más...
Quero registar para todo o sempre a minha FELICIDADE!!!

Sim, A FELICIDADE AFINAL EXISTE!
Instalou-se na minha casa, e... acredito que não pensa abandonar-me!!!
:)

sábado, abril 16, 2011

LÁGRIMA

Como se forma uma lágrima?
O que acontece no organismo?
Como é que atingem os olhos por vezes em fracções de segundo?
Como é que eles as chamam ao seu encontro?
Como é que elas transbordam de forma até a alterar o que vimos?

As lágrimas fizeram quase sempre parte da minha vida;
Já a minha mãe dizia: "- Tens as lágrimas atrás das orelhas".
Na verdade, em grande parte da minha vida
Houve sempre atrás da minha orelha...
Algo que me fez chorar
Alguém que parecia até esforçar-se...
... por me fazer chorar!

Pode ser que chore por 2 razões:
Por TUDO...
Por NADA...
Não sei!

Lembro-me de uma altura em que a seca se abateu sobre mim...
Provavelmente terei gastado todas as minhas reservas.
Lembro-me de chamar pelas lágrimas...
... e elas não vinham ao meu encontro!
Não foi melhor desta forma,
Não foi mesmo nada melhor assim!
Não é igualmente melhor NÃO sentir!

Porque é que choramos???
Choramos para nos sentirmos melhores...
Choramos para nos sentirmos... menos mal...

Dizem os estudos que quando choramos
Libertamos substâncias quimicas
Que provocam sensação de alívio quase imediato.
As lágrimas provocadas pela emoção
Removem elementos acumulados nas horas de stress.
O cérebro fabrica neurotransmissores
Que viajam rápido de neurónio em neurónio
E pedem ás glandulas lacrimais para se contrairem.

Leucina-encefalina
É esta a minha amiga
Foi ela que afinal sempre esteve
Escondida atrás das minhas orelhas!

Ela tem ainda a função de nos anestesiar
Quando sentimos dores fortes!
E, de acordo com a OMS a dor é:
"tudo aquilo que o paciente diz que é"

Leucina-Encefalina
Chego a ter uma certa pena dela.
Tem trabalhado muito por minha causa
E... nunca atingiu muito bem os seus objectivos!

Será melhor deixar de sentir?
Deixar de incomodar os outros com as minhas lágrimas?
Como será que se bloqueia esta leucina-encefalina???
NÃO SEI,
Mas sei que choro menos!

Será que vou deixar de chorar???





sábado, abril 02, 2011

MULHER

"Aquilo que você der a uma mulher, ela vai tornar maior:

Se você der o seu esperma, ela vai-te dar um bebé;
Se você lhe der uma casa, ela vai-te dar um lar;
Se você lhe der compras de mercearia, ela vai dar-te uma refeição;
Se você lhe der um sorriso, ela vai dar-te o seu coração;
Ela multiplica e amplia o que lhe é dado.

Portanto se você lhe der qualquer porcaria, esteja preparado para receber uma tonelada de merda!!!"

Autor desconhecido

quinta-feira, setembro 30, 2010

Saudades

Deito-me na cama
E imagino o teu Abraço,
Os teus braços a envolverem-me,
O teu respirar na minha orelha,
A tua mão na minha face,
Nos meus cabelos,
O teu calor...

Fecho os olhos e
Consigo sentir-te;
Mas torno a abri-los...
E não estás!


quarta-feira, julho 28, 2010