quarta-feira, dezembro 21, 2005

Ter ou não Ter


Sempre foi o meu egoísmo que me permitiu seguir em frente e ser feliz.
Sempre que estou mal, e me sinto triste... infeliz... penso nas vidas de outros que penso serem mais tristes... infelizes... que a minha, e isso sempre me tem dado força para continuar.

Sempre me disseram para olhar para quem tem medos do que eu, em vez de olhar para quem tem mais, e só desta forma, se pode dar graças pelo que se tem.

Esta fórmula permite que mesmo que estejamos no mais profundo sofrimento porque o papagaio morreu; recordamo-nos que há fome no mundo... pessoas que morrem... por isso alegramo-nos por estarmos "VIVOS" e "SEM FOME".

O problema é que, após muitos anos de aplicação, a fórmula não consegue adaptar-se ás situações, ou sou eu que já não me consigo adaptar á fórmula...
Ser feliz porque sei que há outros mais infelizes... não é a melhor definição de "FELICIDADE"...

Sim, estou "VIVA" e não passo "FOME"...
Há muitas formas de "sobreviver"...
Há muitas "fomes" que não se conseguem satisfazer...

Arranjem-me uma fórmula nova
Esta já deu tudo o que tinha a dar...

2 comentários:

particula disse...

Amo-te... O caminho faz-se caminhando, já dizia um gajo qualquer, que não sei escrever o nome!:)
A felicidade, como a maioria dos conceitos, é subjectiva! por isso está nas nossas mãos e da natureza saber o que é a nossa felicidade, mas pressuponho que seja dinâmica... a procura do equilibrio!
Eu sei que consegues, já passas-te por piores fases, ou não?!
um beijo enorme no teu enorme coração!

Brida disse...

querida particula, não é que esta fase seja pior ou melhor que outras... é diferente! aliás todas o são.
Esta difere ainda mais do que as outras, porque me obriga a ver-me de outros angulos; e me faz pensar em coisas que nunca pensei pensar, percebes???
E se toda a minha vida foi uma ilusão?? e se pensava que era feliz e não era??
Ui, não vou pensar mais por hoje. Amanhã. Amanhã vou pensar melhor. Amanã será outro dia...
...
jinhos p ti
Também te AMO!